Tag: Dória

Paz entre nós guerra aos senhores: Construir o programa revolucionário nas ruas.

Paz entre nós guerra aos senhores: Construir o programa revolucionário nas ruas.

Editorial
Da Redação Em vinte e nove dias como prefeito de São Paulo João Dória já colocou a população contra os professores anunciando que para cumprir o acordo de parcelamento do reajuste feito na administração anterior teria que cortar gastos sociais, já deixou a cidade mais cinza apagando os grafites da cidade, já aumentou a quantidade de acidentes nas marginais, e tomou medidas higienistas como a autorização da retirada de pertences pessoais dos moradores de rua pela Guarda Civil metropolitana, enquanto isso nos Estados Unidos  Donald Trump orienta as agências governamentais a boicotarem o “Obamacare” até que ele possa ser revogado no congresso nacional, estima-se que na implantação do referido programa 20 milhões de pessoas sem qualquer tipo de assistência à saúde foram beneficiadas, barrou
Eleições 2016 e o sexo dos anjos!

Eleições 2016 e o sexo dos anjos!

Nacional
Por Leandro Aguiar A definição em primeiro turno na capital paulista em 2016 nos leva a algumas conclusões, no entanto observar a conjuntura apenas pelo resultado da capital paulista é um reducionismo que não explica objetivamente a situação e por isso começo pela minha leitura do primeiro turno como um ponto de partida. Em vinte textos busquei traçar um panorama das quatro candidaturas que estavam mais à esquerda do espectro político e sem sombra de dúvidas essa era a de Altino do PSTU, partido que infelizmente manteve-se isolado sem buscar ou permitir o diálogo com outras forças quase que absorto em sua construção como razão central de sua existência, postura similar a de Henrique Áreas que foi a expressão daquilo que seu partido o PCO é como regra dentro do movimento organizado e se m
Em caso de Dória, Russomano, ou Marta: Vote em Haddad!

Em caso de Dória, Russomano, ou Marta: Vote em Haddad!

Nacional
Por Leandro Aguiar Tendo como referência tudo aquilo que foi dito nos artigos anteriores se por um lado temos uma massiva participação da direita mais reacionária que se apoia na onda conservadora advinda da crise econômica de 2008 e da falência do PT que desde os anos noventa passa a caminhar cada vez mais para a direita por outro temos uma esquerda ainda mais fragmentada que não apresenta respostas contundentes para o rebaixamento da qualidade de vida da classe trabalhadora brasileira que a partir de 2013 começa sentir de forma tardia os efeitos da crise. Nada mais emblemático do que pensar Haddad ao centro dos dois blocos, e o termo que melhor o define é “centro”, Haddad é progressista o suficiente para bancar projetos como as polêmicas ciclovias, o UniCEU, ou o Transcidadania, mas
Alckmin o “Dindo” de João Dória

Alckmin o “Dindo” de João Dória

Nacional
João Agripino da Costa Doria Junior, João Doria Jr, é aos 56 anos um  empresário, publicitário, jornalista, apresentador de TV e um arremedo de político que ganhou notoriedade como entrevistador, e conferencista é também o criador e presidente licenciado do Grupo Doria que reúne 6 grandes empresas, com destaque para o LIDE - grupo empresarial com a participação de 1700 empresas nacionais e multinacionais, um grupo que tem a representação de algo em torno de 50% do PIB privado brasileiro. É segundo a imprensa burguesa uma das pessoas mais influentes do Brasil e com esses predicados tenta se “vestir de povo” para concorrer à Prefeitura Municipal de São Paulo nas eleições de 2016 pelo PSDB. E neste caso o que dizer? De cara entra em contradição ao classificar o comportamento da Polícia Mi
“O Povo de “Santo” e o jogo eleitoral.”

“O Povo de “Santo” e o jogo eleitoral.”

Nacional
Quando o assunto é a disputa eleitoral os grupos organizados da esquerda socialista tendem a mirar seus rifles para os já conhecidos e manjados financiamentos eleitorais feitos pela iniciativa privada aos candidatos das grandes agremiações partidárias e nestas eleições não será diferente, ou alguém acha que a mudança que “proíbe” o financiamento por empresas vai mudar algo em termos de equilíbrio nas disputas? Obviamente que não, mas não é somente isso que deve ser analisado uma das coisas que mais me incomodam no período eleitoral é o oportunismo que praticamente todos os candidatos e legendas apresentam com a finalidade de capitalizar politicamente e com isso formar suas bancadas parlamentares, além de se apropriarem das estruturas governamentais para seus projetos de poder construind